PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Blog do Milton Neves

Abel reclama de barriga cheia, enquanto Crespo realmente ‘passa fome’ no SP

Milton Neves

19/07/2021 09h29

"Nossa, quando o Crespo fala sobre calendário vocês exaltam. Quando é o Abel vocês crucificam".

"Quando o Crespo reclama da arbitragem vocês aplaudem. Quando é o Abel vocês jogam pedras". 

"Quando o Crespo reclama de seu elenco vocês dão toda razão a ele. Quando é o Abel, vocês o massacram". 

As ladainhas acima foram fortemente repetidas pelos palmeirenses nas redes sociais no último sábado. 

Acontece que Hernán Crespo deu uma coletiva muito lúcida após a derrota tricolor diante do Fortaleza, no Morumbi. 

Assumiu suas responsabilidades e falou sobre os problemas que atrapalham o Clube da Fé neste início de Brasileirão, como o calendário e o excesso de jogadores no DM. 

E o elenco do São Paulo realmente é curto. 

E sabem qual é exatamente a diferença entre os discursos de Abel Ferreira e de Hernán Crespo?

Acontece que o ótimo treinador português, atual campeão da Copa do Brasil e da Libertadores, geralmente usa um tom arrogante em suas coletivas, sempre querendo tirar o corpo fora dos fracassos alviverdes. 

Enquanto Crespo fala sobre todos esses problemas de uma maneira objetiva, admitindo tanto as limitações do Tricolor quanto as suas falhas. 

E outro ponto: Abel reclama do elenco palmeirense com a barriga completamente cheia. 

Enquanto Crespo realmente "passa fome" no Morumbi. 

Entendem, palmeirenses?

Por isso que o técnico argentino recebe um tratamento diferenciado. 

Opine! 

Sobre o autor

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.