PUBLICIDADE
Topo

Campeão com derrota: um oferecimento dos ‘maravilhosos' pontozZz corridozZz

Milton Neves

26/02/2021 09h18

Foto: Rubens Chiri/SPFC

Pois é, amigo internauta, proponho agora a vocês um pequeno exercício. 

Puxe pela memória um título de seu time que tenha sido muito marcante. 

Já lembrou, não é mesmo?

E eu imagino a festa que tenha acontecido no seu bairro, na sua cidade e no seu estado após tal conquista. 

Bem, e uma outra pergunta, até irrelevante: neste dia, o seu time certamente não foi derrotado, certo?

Ora, mas é claro que não!

Afinal de contas, ser campeão com derrota – isso mesmo, com DERROTA! – é um oferecimento dos "maravilhosos" pontozZzZzZz corridozZzZzZz…

Aí, quando situações deste tipo acontecem, como em 2005 (o Timão foi derrotado pelo Goiás na última rodada) ou agora em 2020-21, com esse "xexelento" título do Flamengo, o campeão recebe a taça até com certo constrangimento, não é verdade?

Com um sorrisão amarelo, sem saber o que dizer…

E tem gente que goste dessa porcaria!!!

Vá entender…

Ah, e deixo aqui para vocês como ficaria agora a fase quartas de final do Brasileirão se ainda contássemos com o fantástico mata-mata em nosso Nacional. 

O Flamengo enfrentaria o Santos. 

O Internacional pegaria o Palmeiras. 

O Atlético-MG duelaria com o Grêmio. 

Enquanto o São Paulo teria pela frente um confronto contra o Fluminense. 

Uma pena que ainda tenhamos por aqui um sistema em que o campeonato parece até que acabou pela metade. 

Um horror!

Volte, mata-mata! 

Salve o Campeonato Brasileiro! 

Opine!

Sobre o autor

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.