PUBLICIDADE
Topo

Título do Flamengo em Lima foi o mais emocionante da história do futebol?

Milton Neves

23/11/2020 10h09

Foto: Alexandre Vidal/Flamengo

É claro que em toda rodada do Brasileirão ou de qualquer outro campeonato do mundo a gente vê pelo menos uma ou outra virada emocionante.

Ainda mais agora, com os gigantescos acréscimos dados pelos árbitros por causa das interrupções do VAR.

Mas em decisão de campeonato é um pouco mais difícil, não é mesmo?

Bom, mas obviamente já tivemos algumas reviravoltas nos placares de finais de torneios na história da bola.

Certamente vocês se lembram daquele célebre Palmeiras 3 x 4 Vasco na finalíssima da Copa Mercosul de 2000.

Ou da decisão da Copa América de 2004, quando Adriano Imperador empatou com um golaço para o Brasil contra a Argentina aos 48 minutos do segundo tempo (nos pênaltis, o escrete canarinho foi campeão).

E não podemos nos esquecer da Batalha dos Aflitos, que não foi exatamente uma final e nem uma virada, mas uma vitória épica do Grêmio por 1 a 0 contra o Náutico, após ter quatro jogadores expulsos e um pênalti contra, no duelo que marcou o retorno do Tricolor gaúcho para a Série A do Brasileirão.

Enfim, por mais que não seja comum, tivemos sim algumas decisões extremamente emocionantes na história do nosso futebol.

Mas, honestamente, nenhuma delas supera, no quesito emoção, o título da Libertadores da América do Flamengo em 2019.

O que aconteceu em Lima foi algo simplesmente inacreditável, uma virada de cinema.

Gente, o River cozinhava o Fla com maestria até os 43 minutos do segundo tempo.

Era impossível imaginar uma reviravolta naquela altura do duelo.

Mas aí, uma bobeira de Lucas Pratto e um contra-ataque perfeito puxado pelo Rubro-Negro mudaram a história daquela final.

Gabigol se tornou quase tão querido pelos flamenguistas quanto Zico

E Jorge Jesus, que até o meio daquela ano estava se oferecendo para diversos times do pedaço, passou a ser considerado como um "novo Rinus Michels" pela mídia brasileira.

E quanta coisa mudou um ano depois desse eletrizante jogo, não é mesmo?

No futebol, no Flamengo e no mundo.

Para mim, só não mudou o fato de que esse título do Fla foi realmente o mais emocionante da história da bola.

Pela virada inacreditável, pela qualidade do rival, pela importância do torneio e por se tratar de um dos clubes mais populares do mundo.

E será difícil algum time conseguir superar ou até mesmo igualar tal feito.

Você concorda comigo?

Opine!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.