PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Marcelo Gigliotti, filho do histórico Fiori, morre vítima de Covid-19

Milton Neves

29/09/2020 11h21

Foto: Marcos Júnior Micheletti/Portal TT

A Covid-19, infelizmente, segue fazendo milhares de vítimas mundo afora todos os dias.

E, desta vez, ela levou a vida de uma pessoa muito querida por nós da crônica esportiva de São Paulo.

Marcelo Gigliotti, filho mais novo da lenda Fiori Gigliotti, morreu na noite da última segunda-feira (28), em São Paulo-SP.

Marcelo tinha apenas 51 anos de idade e cuidava com muito carinho da obra de seu pai ao lado de seu irmão Marcos.

Em outubro do ano passado, os dois filhos do inesquecível narrador estiveram no Museu do Futebol para o lançamento do livro "Fiori Gigliotti – o locutor da torcida brasileira".

Eu tive a honra de escrever o prefácio da obra, que é assinada pelos jornalistas Mauro Beting e Paulo Rogério.

Que pena, Marcelo!

Descanse em paz e dê um abraço apertado aí em cima no seu pai, que foi um dos responsáveis por eu me apaixonar pelo rádio, o que acabou norteando a minha vida!

ÍDOLO DO VASCO

E outra notícia triste chega também da cidade de Valinhos-SP.

Lá, no Hospital Galileo, morreu na noite da última segunda-feira (28) Écio Capovilla, histórico volante do Vasco da Gama, campeão do Super-supercampeonato carioca de 1958.

Écio tinha 83 anos e foi vítima de infarto.

Ele jogou ao lado de outros grandes ídolos do Cruzmaltino, como Ita, Miguel, Barbosa, Paulinho, Bellini, Orlando, Coronel, Maneca, Roberto Pinto, Vavá, Almir, Delém, Pinga, Sabará, entre outros.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.