PUBLICIDADE
Topo

Mão dupla: O Santos também levantou Sampaoli

Milton Neves

11/12/2019 15h00

Foto: Ivan Storti/Santos FC

É inegável que Jorge Sampaoli fez um bom trabalho no Santos em 2019. O argentino operou milagre com um elenco que iniciou a temporada desacreditado. Trouxe bons jogadores, como o surpreendente baixinho Soteldo e terminou o ano com o vice-campeonato brasileiro à frente de uma potência como o Palmeiras.

Mas, meus amigos, se ele foi bom para o Santos, a recíproca também foi verdadeira. O Santos tirou Sampaoli do ostracismo.

É que o treinador argentino andava esquecidão lá pelos pampas de sua terra natal. Ainda amargurando o péssimo desempenho da Argentina na Copa da Rússia e, praticamente, à margem do mercado.

Hoje, o bom Sampaoli, recuperou o prestígio e pode seguir seu caminho no Palmeiras, que tem condição de atender seu nível de exigência, ou até mesmo em outro grande clube, seja aqui no Brasil, na América do Sul e até na Europa.

Que vá com Deus, muito obrigado!

Mas Santos e Sampaoli fizeram muito bem um para o outro!

Concorda?

OPINE!

Sobre o autor

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.

Blog do Milton Neves