Topo
Blog do Milton Neves

Blog do Milton Neves

Ficou mole para o Brasil, mas o Peru endurecerá como em 57!

Milton Neves

03/07/2019 23h45

Foto: Luisa Gonzalez/Reuters/via UOL

Chile 0 x 3 Peru.

A seleção chilena era favorita na semifinal contra o Peru em Porto Alegre.

Talvez, por se achar assim, caiu do cavalo…

Ou fui eu que "ziquei" o Chile?

Assim, até eu vou acreditar que sou pé frio…

Pela semifinal da Copa América, com um primeiro tempo praticamente perfeito, a seleção peruana marcou dois gols (Flores e Yotún).

E liquidou a fatura na etapa final, nos acréscimos, com Guerrero.

Mas, não pensem que será de goleada como foi na fase de grupos, 5 a 0 para o Brasil no Itaquerão.

Será dureza como foi em 1957, nas eliminatórias para a Copa da Suécia.

No primeiro jogo, lá, Terry abriu o placar para os peruanos e Índio empatou para o Brasil.

E, na volta, com "milhões" no Maracanã, Didi marcou de falta, vencendo o ótimo goleiro Rafael Asca, muito parecido com nosso Dida "catador de pênaltis".

Aliás, foi naquela cobrança de falta que nasceu a expressão "Folha Seca", que acompanhou Didi para sempre.

Didi, à direita na foto, em 21 de abril de 1957, no Maracanã, dia em que marcou de "Folha Seca" o gol contra o Peru que classificou o Brasil para a Copa da Suécia.

Seriam os chilenos que levantariam o caneco da Copa América contra o Brasil…

Mas, com esta zebra peruana, será a seleção canarinho mesmo!

Tite ganhará seu primeiro título com a seleção.

Deu muita sorte o treinador.

Azar de quem for acompanhar sua coletiva após o o triunfo no domingo…

E, assim, vamos com ele para a Copa do Qatar.

Fazer o quê?

E você, o que acha?

OPINE!

 

Sobre o autor

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.

Mais Blog do Milton Neves