PUBLICIDADE
Topo

Em rodada dos visitantes, São Paulo perde em pleno Morumbi e fica longe da liderança. Galo, ainda pesando na Recopa, empata com o Bahia e para na tabela. Grêmio ganha e entra no G4. O time gaúcho ainda tem chances de título???

Milton Neves

19/07/2014 20h39

charge

 

placar

São Paulo x Chapecoense

Mais de 40 mil torcedores foram ao Morumbi nesta noite de sábado. Porém, os tricolores não viram o São Paulo jogar como Alemanha igual fez contra o Bahia.

Muito pelo contrário. Durante a primeira etapa, a Chapecoense marcou tão bem os donos da casa que os comandados de Muricy Ramalho não conseguiram ameaçar o gol do adversário.

Após o intervalo, o São Paulo até voltou melhor. Antes dos 10 minutos, a equipe já tinha finalizado quatro vezes com perigo. Entretanto, com o time todo para o ataque, a Chapecoense encontrou um buraco na defesa Tricolor e abriu o placar com Ricardo Conceição.

Depois do gol, os anfitriões não conseguiram mais armar boas jogadas. Com apenas bolas alçadas da área, o Tricolor não conseguiu empatar o duelo e acabou perdendo, pela primeira vez no Brasileirão, jogando no Morumbi.

E agora, Muricy? Onde está o bom futebol apresentado contra o Bahia?

Atlético-MG x Bahia

Poupando alguns titulares para o jogo da próxima quarta-feira contra o Lanús, o Altético-MG não conseguiu vencer o Bahia, mesmo jogando no Independência.

Ainda no primeiro tempo, o Tricolor conseguiu sair na frente do marcador. Rhayner cruzou e o zagueiro Titi cabeceou com estilo, balançando as redes de Victor.

Com o resultado adverso, Levir Culpi foi obrigado a mexer no time durante o intervalo. Alex Silva e Maicosuel saíram para as entradas de Pedro Botelho e Luan.

Deste modo, o Galo pressionou e conseguiu empatar aos 20 minutos da segunda etapa. Com papéis inversos, Jô cruzou para o baixinho Luan, também de cabeça, devolver a igualdade ao placar.

Mesmo com muita pressão dos donos da casa, o confronto permaneceu empatado, o que não ajudou nenhuma das equipes na tabela.

Figueirense x Grêmio

O Grêmio, que não marcava um gol no Brasileirão desde o dia 21 de maio, finalmente desencantou.

Logo nos minutos iniciais, após bom passe de Alan Ruiz, Giuliano, em seu segundo jogo com a camisa do Tricolor, deu um belo chute e fez 1 a 0 para os gaúchos.

Com a vantagem, o Imortal começou a segurar o resultado, não deixando o Figueirense se animar na partida.

O que estava difícil complicou ainda mais. Thiago Heleno chutou Alan Ruiz e acabou sendo expulso, deixando o Figueira com apenas 10 jogadores em campo.

Deste modo, o Alvinegro de Santa Catarina não conseguiu reverter o placar e saiu de campo derrotado mais uma vez. Com o triunfo, o Grêmio entrou no G4 e se aproximou dos líderes.

Botafogo x Coritiba

O "jogo da balda" foi tão chato que menos de duas mil pessoas foram ao estádio assistir ao confronto entre Botafogo e Coritiba, ambos na parte de baixo da tabela.

No início do duelo, após cobrança de escanteio, o argentino Bolatti arrematou com força e abriu o placar para o Fogão.

A partir deste momento, as equipes se acomodaram e não criaram grandes jogadas. O veterano craque Alex foi o único quem tentou mostrar um bom futebol, mas não deu conta sozinho.

Os cariocas até tiveram a chance de matar o jogo no segundo tempo, quando o árbitro marcou um pênalti inexistente para o Botafogo. Contudo, Zeballos bateu e o goleiro Vanderlei fez grande defesa.

Com o resultado o time da estrela solitária conseguiu se afastar da zona de rebaixamento, enquanto o Coxa permanece na vice-lanterna.

OPINE!!!

Sobre o autor

Milton Neves é jornalista profissional diplomado, publicitário, empresário, apresentador esportivo de rádio e TV, pioneiro em site esportivo no Brasil, 1º âncora esportivo de mídia eletrônica do país, palestrante gratuito de Faculdades e Universidades, escrivão de polícia aposentado em classe especial, pecuarista, cafeicultor e é empresário também no ramo imobiliário.